41 3209-9502
41 9-9920-6075
SIGA-NOS
Formulário de Contato
Sua Conta

Blog

Evento Privado: na Análise do Comportamento Aplicada

Evento Privado: na Análise do Comportamento Aplicada
Por Daiton Martins, ABA Practitioner


De acordo com Skinner, a perspectiva dos eventos privados consiste em respostas encobertas aos estímulos do mundo privado. Apenas o comportante pode observar e medir seus sentimentos, emoções, pensamentos, sonhos, etc. Muitos estudos procuram uma explicação deste comportamento, tais como inferências de processos internos cognitivos, gerando uma explicação para algum comportamento, levando a um raciocínio de razão circular, (Pierce, & Cheney, 2017). Muitos profissionais assumem que os sentimentos, ou pensamentos, explicam a razão de uma resposta, embora muitos analistas do comportamento concordem que se pode sentir ou pensar como não sendo as causas do comportamento, os analistas do comportamento focam nas ações do evento privado. Os sentimentos são reais, não as causas, isso acontece ao mesmo tempo que agimos. Para ser claro: a Análise do Comportamento Aplicada não nega os sentimentos, isso é um evento real.

Às vezes ouço que os analistas do comportamento são frios porque não se importam com os sentimentos, sendo uma inverdade. O ponto é, não podemos trabalhar os eventos privados diretamente, mas com toda a certeza podemos prestar atenção em comportamentos precorrentes, e as respostas emocionais em resultado dos eventos privados de alguém. Desta forma, podemos identificar um comportamento-alvo para mudança, seja para aprender ou reduzir esse comportamento. 

Referências:
Pierce, W. D., & Cheney, C. D. (2017). Behavior analysis and learning: A biobehavioral approach (6th ed.). New York, NY: Routledge.

« Voltar